Avançar para o conteúdo principal

Jantar e revelações.

Este fim-de-semana fui jantar a casa do Charming. A irmã dele está a viver em França e veio passar férias portanto foi a altura ideal para juntar o pessoal e fazer uma jantarada. Quando cheguei estava lá um casal que não conhecia mas tudo óptimo, ninguém tem de me dar satisfações de quem convida para a sua própria casa. 

Com o decorrer o decorrer do jantar apercebi-me que o tal casal era, nada mais nada menos do que os pais do namorado da irmã mais nova do Charming. Não vou esconder que me incomodou. Namoro com o Charming à cinco anos e nunca ninguém sentiu necessidade de convidar a minha família para ir lá jantar, apesar de os conhecerem à muito mais do que cinco anos, já com os pais do namorado da irmã dele que conhecem à menos de um ano o caso muda de figura. 

Sinceramente não compreendo. Se não gostassem de mim ou da minha família até tentava encaixar a situação mas assim não consigo. Custa-me, principalmente porque a minha família significa o mundo para mim, mas aceito. Talvez seja eu a dar o primeiro passo e a organizar um jantar cá em casa...quando me passar a neura.

back yard dinner party

Comentários

  1. Se calhar tudo se deve ao facto de serem os pais do namoradO da filhA. Não conheço nenhum dos envolventes e não quero fazer juízos de valor, mas, possivelmente, o ser a filhA mais nova faz diferença, para muitos casais a filhA namorar é mais "assustador" do que o filho.
    Mas, atenção, entendo a tua neura muito, muito bem e sentiria o mesmo, sem dúvida.

    ResponderEliminar
  2. Sinceramente acho que a tua "não-compreensão" é absolutamente normal. Eu iria sentir exatamente o mesmo mas o comentário da Olivia faz sentido :)

    ResponderEliminar
  3. Realmente é uma situação um bocado estranha, eu no teu lugar também começava a pensar nos porquês disso.
    Mas tenta mesmo seres tu a fazer o convite para jantar, pode ser que as coisas mudem :)
    Beijinhos ❤
    BLOG | FB | INSTA

    ResponderEliminar
  4. Cai um bocado mal realmente mas... Passa a frente que é o melhor. Certamente, um dia esse tipo de convívio também irá incluir a tua família nem que parta de ti.

    ResponderEliminar
  5. Eu não sei como ia reagir e o motivo é porque pequenos gestos me magoam profundamente, não devemos julgar e não vou o fazer muitas vezes é preciso relativizar.

    beijinhos e bom início de semana.*

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Relacionamentos: É Amor ou Comodismo?

"O amor é a base de qualquer relacionamento."
Existem algumas certezas que sempre me acompanharam durante o meu crescimento. 
Uma delas, talvez uma daquelas em que acreditava com mais tenacidade, era que todos os relacionamentos se baseavam em amor.
Depois cresci, não muito confesso. Continuo a manter uma certa ingenuidade e a guardar com carinho muitos dos meus sonhos de menina mas, inevitavelmente, a vida acontece, e o mundo que inicialmente era a preto e branco, começa a ganhar diversos tons de cinza.
E, com muita tristeza minha, apercebi-me que a grande parte dos relacionamentos não tem por base o amor mas sim o comodismo. Quando ficamos por hábito, por não querer admitir que não resultou, por medo do desconhecido ou, simplesmente, porque não temos coragem de abrir o nosso coração ao desconhecido e tentar outra vez.
Existem avisos, sempre, mesmo quando queremos negar ou preferimos não encarar a dura verdade. Quando os gestos de carinho são inexistentes. Quando qualquer moment…

Mais de 1500.

Imagem de Deathtostock
Mais de 1500 publicações, 1507 se quisermos levar a precisão ao extremo. Mais de 1500 opiniões, parvoíces, textos, frases, imagens e idiotices.
Não posso dizer que estou surpreendida pelo número de publicações visto que, quando criei este blogue fi-lo com o objetivo de criar algo duradouro, algo que me acompanhasse, crescesse e evoluísse comigo. O que me surpreende são vocês. Vocês, que começaram a ler e gostaram. Vocês, que despendem de um pouco do vosso dia para apoiar, criticar ou dar a vossa opinião. Vocês, que continuam a voltar dia após dia mesmo quando as actualizações são raras. A todos vocês muito obrigado.

Decisões de Menina Crescida.

Tenho a oportunidade de me envolver numa empresa que me irá dar alguma estabilidade e, a longo prazo, uma carreira profissional sólida. No entanto é necessário realizar um investimento inicial que, neste caso, iria envolver todas as minhas economias. 
A verdade é que tenho algum receio. O que para a maioria das pessoas envolvidas no negócio pode ser um valor insignificante, para mim abrange praticamente a totalidade do capital que tenho disponível e não consigo deixar de me sentir insegura e algo ansiosa. Detesto a sensação de ficar financeiramente desprotegida, ainda que por pouco tempo.
Tenho que tomar uma decisão até dia 25 e espero decidir pelo melhor mas, muito honestamente, não faço a menor ideia do que devo fazer.