Setembro 2018 - Perfeitamente Imperfeito

domingo, 30 de setembro de 2018

ROAD TRIP 2018 | Gruta de las Maravillas [Aracena, Espanha]
setembro 30, 2018 4 Comments
Fotografia da minha autoria.
Com mais de 2000 metros de extensão, em que apenas 1200 metros são visitáveis, a Gruta de las Maravillas é, sem sombra de dúvida, a joia da coroa de Aracena.

Reza a lenda que a Gruta de las Maravillas foi descoberta acidentalmente por um pastor, no início do século XIX. Este conjunto natural de galerias subterrâneas de beleza inimaginável situa-se por baixo do Castillo de Aracena, ainda que sem qualquer ligação conhecida ao Castelo.

A Gruta de las Maravillas foi a primeira paragem da nossa road trip e superou largamente as expetativas. Assim que chegámos a Aracena comprámos a Tarjeta Turística de Aracena, no valor de 12,50€, que incluí a visita à Gruta.

O bilhete para a Gruta também pode ser comprado individualmente, com o custo de 10€ por pessoa. As visitas são sempre guiadas e acontecem com marcação em horário pré-estabelecido. Já não conseguimos chegar a tempo da primeira visita, às 10h30, por isso aguardamos pela visita seguinte. E, nesse tempo de espera, aproveitámos para explorar as adoráveis lojas das redondezas.
A visita durou cerca de 45 minutos e, ao contrário da maioria das grutas que já visitei. A temperatura na gruta era agradável e o ar facilmente respirável. Nunca senti qualquer tipo de mal-estar ou incómodo durante a visita. E, com o meu metro e sessenta e cinco de altura, foram poucos os locais onde precisei de me baixar.

O guia faz a explicação em espanhol mas, caso considerem necessário, está um audioguia disponível. Nós aproveitámos para desenferrujar o nosso espanhol e optámos por ouvir a explicação do guia que, por sinal era bastante simpático.


Infelizmente as fotografias são expressamente proibidas, com exceção de uma fotografia que a equipa vos tira com os vossos acompanhantes, já dentro da gruta. Podem ver essa fotografia no final da visita e, caso queiram, podem ficar com ela, pelo valor de 8€.





MAIS SOBRE A ROAD TRIP 2018: O Destino Escolhido
Reading Time:

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

ROAD TRIP 2018 | O Destino Escolhido
setembro 28, 2018 2 Comments
As férias deste ano não começaram de forma pacífica. Devido à nossa indecisão crónica no que diz respeito a viagens, a data aproximava-se perigosamente e os preços dos bilhetes de avião aumentaram de forma exorbitante e pouco compatível com as nossas carteiras.
 
Como tal, a ideia inicial foi abandonada - pelo menos por agora - e iniciámos a difícil tarefa de tentar encontrar um substituto para a viagem dos nossos sonhos.
 
Depois de muitas indecisões, e confrontados com o facto de que faltavam dois dias para partir, fomos obrigados a tomar uma decisão e resolvemos ressuscitar a viagem que outrora planeámos para o verão de 2017 e que nunca chegou a ver a luz do dia.
 
Utilizámos alguma pesquisa antiga, eliminámos alguns destinos, adicionamos outros e, pela primeira vez, partimos, sem grandes programas planeados ou alojamentos marcados, à descoberta da bela região de Andaluzia.

Fotografia de element5digital em unsplash.com
Reading Time:

quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Regresso à Rotina
setembro 27, 2018 3 Comments
Depois de uma road trip com um ritmo completamente alucinante que me encheu o coração e quase dois cartões de memória da minha querida Canon, estou de volta!
Levei o portátil, mas apenas trabalhei umas horas nos primeiros dias e depois, com a ajuda da minha equipa que reduziu os e-mails e as chamadas ao mínimo possível, consegui desligar.

Evitei as redes sociais sempre que possível e deixei o blogue e o instagram em stand-by.  Fui egoísta e foquei-me em aproveitar cada segundo da minha viagem e da companhia da pessoa que estava ao meu lado. E não me arrependo nem um pouco.

Foram exatamente oito dias, cinco cidades e dois "países" - depois explico. Apaixonei-me por locais que já desejava conhecer à noite, desiludi-me um pouco com locais que pensei que me iriam apaixonar, e apaixonei-me por locais que pensei que me iriam ser indiferentes.
Agora, cheia de memórias felizes e com um sorriso nos lábios, é altura de responder às dezenas de e-mails acumulados, estruturar projetos, organizar reuniões e, claro, atualizar o blogue e partilhar tudo convosco.
Tenham uma boa semana!

Fotografia de Nick Morrison em unsplash.com
Reading Time:

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

setembro 17, 2018 3 Comments

https://unsplash.com/photos/kyDm2KWnrZM
Fotografia de element5digital em unsplash.com
Que comece a Road Trip de 2018!

Adivinham o destino?
Reading Time:

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Hamburgueria do Bairro  [Lisboa, Portugal]
setembro 13, 2018 2 Comments
Depois de uns dias passados em casa da minha Kikas - a melhor amiga que poderia ter - decidimos terminar os nossos dias de estudo e gordices com uma visita à Hamburgueria do Bairro, no Príncipe Real.

De entre todas as opções disponíveis, e depois de algumas gargalhadas devido aos nomes, optei pelo Camone. O Camone é composto por agrião, tomate frito, cebola caramelizada e cheddar. As batatas finas e estaladiças com ervas que faziam companhia ao meu hambúrguer, eram deliciosas. E a limonada, deliciosa e refrescante, a companhia perfeita para esta refeição. Melhor? Só mesmo a companhia.


Poderia ter sido uma refeição perfeita, não fosse o pão demasiado industrializado contrastar tanto com a qualidade dos restantes ingredientes. Quanto a sobremesas, não achamos as opções disponíveis particularmente aliciantes e, além disso, já estava satisfeita com a minha refeição, portanto essa avaliação ficará para uma próxima visita.

Em relação ao preço, com cerca de 14€ conseguem comer o vosso hambúrguer, batatas, bebida e sobremesa.



Reading Time:

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

sábado, 8 de setembro de 2018

Mais 3 Séries Que Tens MESMO Que Ver
setembro 08, 2018 6 Comments
A verdade é que adoro séries! E, na maioria das vezes, prefiro-as a qualquer filme. Já partilhei convosco três séries que me marcaram bastante e que são, a meu ver, fantásticas, cada uma à sua maneira. E agora sugiro mais três.






Resultado de imagem para the big bang theory
1. The Big Bang Theory



Sheldon, Howard, Raj e Leonard. Quatro amigos que dividem o seu tempo tempo entre a universidade em que trabalham, comic cons e banda desenhada, vêm a sua vida  virada do avesso quando a bela Penny se muda para o apartamento ao lado de Sheldon e Leonard.

Os conhecimentos científicos do grupo são indescritíveis, assim com a sua falta de capacidade para qualquer simples interação social. E Penny é exatamente o oposto mas, naturalmente, acaba por encaixar e enriquecer o grupo. Tal com Amy e Bernardette, que surgem mais tarde.

Os episódios são curtos - com cerca de vinte minutos - e passam num piscar de olhos, deixando sempre a vontade de ver mais um e continuar a acompanhar as aventuras deste grupo hilariante.

Acompanhei esta série desde o início - no longínquo 2007 - e é com tristeza com que, com a décima segunda temporada, vejo este ciclo chegar ao fim. Mal posso esperar pela última temporada.


Resultado de imagem para la casa de papel
2. La Casa de Papel

La Casa de Papel foi uma das séries que conquistou o mundo de rajada. E eu resisti. Até que a minha mãe despachou a série num fim de semana e dedicou-se a saltitar pela casa e a gritar aos sete ventos que era uma das melhores séries de todos os tempos. E eu, como filha obediente que sou, entrei no NETFLIX e cliquei no play.

Ainda não terminei a primeira temporada mas, ou muito me engano, ou temos aqui uma série genial!

O Professor reúne um grupo de criminosos que nunca se conheceram para realizar o maior assalto da História. 

E, ao contar mais, estaria a revelar todos os detalhes únicos e imprevisíveis que vocês vão descobrir ao longo da História.














Resultado de imagem para lucifer
3. Lucifer

Todos somos, desde pequenos, ensinados a temer o Diabo e a associá-lo a tudo o que é mau e desprezível. Mas… E se a história não for bem assim?

Lucifer, entediado e infeliz, abandonou o Inferno e decidiu passar férias em Los Angeles. Ignorando completamento o castigo do seu Pai, Lucifer vive feliz e divide-se entre o seu bar e as dezenas de mulheres que se atiram a seus pés. Isto até conhecer a detetive Decker e passar a trabalhar como parceiro não-oficial da detetive.

A série é divertida e foge completamente a qualquer um dos modelos pré-formatos que parecem existir atualmente. É uma série leve e divertida que viu a sua existência comprometida quando foi cancelada pela FOX após duas temporadas. Felizmente para mim, a NETFLIX ouviu os protestos dos fãs e continuou com a série que vai já para a sua quarta temporada.


Reading Time:

sexta-feira, 7 de setembro de 2018

quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Trabalhar Com Crianças
setembro 06, 2018 4 Comments
Trabalhar com crianças não permite momentos parados. Elas estão em constante movimento e ocorrem mudanças ao segundo - tal como deve ser - e nós temos que acompanhar o ritmo para não perder o comboio. 

Aqueles escassos centímetros de gente chegam até nós como desconhecidos mas, desde o primeiro segundo, queremos que se sintam bem num espaço que nunca antes viram. Depois são os sorrisos, os beijos babosos e aas brincadeiras típicas de cada um. 

E, a cada gesto ou palavra nova, o nosso entusiasmo acompanha o deles. Coisas simples, como um xixi no bacio, levam a palmas, parabéns e gritinhos de festa. É bom. É muito bom na verdade. Mas é necessária uma dedicação e empenho constantes para conseguir acompanhar aquelas baterias concentradas. 

O trabalho nunca acaba - mesmo quando saímos do trabalho. E se antes o Pinterest servia para pesquisar decorações bonitas para um quarto elegante. Atualmente serve para pesquisar ideias para novas atividades. Qualquer visita a um espaço comercial implica sempre, no mínimo, um: "Oh, isto era tão giro para os meus meninos."

As horas de sono são reduzidas. O tempo com a família e amigos também. E o tempo que tínhamos "só para nós", bem… é melhor não falar sobre isso. O trabalho absorve-nos, talvez até um bocadinho demais, mas é tão bom saber que estamos a contribuir para a formação destes pequenos seres que nos conquistam um bocadinho mais a cada dia que passa. 

Photo by Senjuti Kundu on Unsplash

Reading Time:

terça-feira, 4 de setembro de 2018

Rubik's Bear
setembro 04, 2018 4 Comments
Vou arriscar e assumir que todos conhecem o Cubo Rubik. Aquele cubo, composto por pequenos cubos coloridos, que giram entre si de forma anti-natural e formam padrões completamente diabólicos. Padrões que, obviamente, depois tentamos solucionar para voltar ao agradável e organizado formato original. 

Este cubo - que para mim é criação satânica - ilustra na perfeição a idiotice humana. Ora, acompanhem-me: 

1. Compramos um cubo colorido e fofinho, perfeitamente organizado.

2. Reviramos, rodamos e voltamos a revirar até estragar completamente o padrão original.

3. E depois fritamos os poucos neurónios que nos restam para tentar voltar ao que tínhamos inicialmente e estragámos.

Poderia comparar o Cubo Rubik a várias outras situações quotidianas - nomeadamente relacionamentos - mas não vamos por aí. Pelo menos não hoje.

Talvez a minha forma de pensar se deva a uma ligeira frustração por numa ter resolvido um Cubo Rubik mas, honestamente, nunca compreendi qual a diversão… até que conheci o Rubik's Bear!

O conceito do Rubik's Bear é exatamente igual ao do Cubo Rubik mas, em vez de ser um cubo sem graça, é um urso fofinho e simpático que eu juro que é um panda! E todos sabemos que tudo é melhor com um panda. 

O Rubik's Bear é aconselhado para crianças com idade igual ou superior a 4 anos e tem como objetivo estimular a lógica e o gosto pela resolução de problemas. E, apesar de não ser divulgado com um dos objetivos oficiais, o Rubik's Bear dá a todos os adultos frustrados - como eu! - a possibilidade de completarem algo que se assemelha - ainda que muito ligeiramente - ao cubo Rubik.

Este brinquedo adorável e criativo está disponível na FNAC e custa 5,99€. É presente educativo, divertido e original, que vai certamente salvar a vossa carteira de um ataque de Parkinson.




Reading Time:

domingo, 2 de setembro de 2018

3 Séries Que Tens MESMO Que Ver
setembro 02, 2018 9 Comments

Resultado de imagem para this is us


1. This Is Us

This Is Us estreou em 2016 e, numa noite em que procurava desesperadamente uma nova série para me deliciar, deparei-me com This Is Us. Não sabia nada sobre a série. Mas também não tinha nada a perder. Ia ver um episódio ou dois e dormir. Ou assim achava eu.

A verdade é que "um ou dois episódios" rapidamente passou a "três ou quatro episódios". E "três ou quatro episódios" rapidamente passaram a "só mais um". E, como em todas as excelentes séries, "só mais um" passou à temporada inteira.

This Is Us conta a história de trigémeos e dos seus pais, alternando de forma inteligente o presente e o passado. É interessante. É divertido. É dramático. Tal como muitas outras séries. Mas, o que faz com que This Is Us se distinga da multidão e não seja só mais uma é o facto de ser real. 

This Is Us aborda assuntos simples, do quotidiano de cada um, de uma forma tão intensa e realista, que facilmente nos leva a refletir sobre a nossa própria vida e é isso que nos prende, episódio após episódio.




Resultado de imagem para marlon netflix


2. Marlon


Marlon foi uma descoberta recente e tenho que agradecer à minha irmã mais nova por isso. A miúda andava insuportável. "Tens que ver Marlon". "Tens que ver Marlon". "Tens que ver Marlon". A miúda andava completamente louca, juro! E, como já vem a ser meu hábito, quanto mais insistem comigo mais eu resisto.


Até um dia. Em que para fazer a vontade à minha pequena princesa irritante, me sentei para ver "só um episódio" de Marlon.  Vi oito episódios. Seguidos. 


Marlon, o personagem principal, é youtuber e toda a série é centrada no seu quotidiano. A sua invulgar e divertida relação com a ex-mulher, os castiços dos filhos, Stevie, o amigo de Marlon, que pediu para ficar uma noite e à dois anos que ocupa o sofá, e Ivette, a amiga de Ashley, ex-mulher de Marlon, que mantém uma relação de amor-ódio com Marlon.

Os episódios duram cerca de 20 minutos e proporcionam momentos divertidos e gargalhadas constantes. Uma excelente série para ver em família.



Resultado de imagem para game of thrones

3. Game Of Thrones


Calma, guardem lá os archotes e as forquilhas. Eu sei que meio mundo já viu - e delirou - com Game Of Thrones. Mas isso quer dizer que ainda existe meio mundo que NÃO VIU Game Of Thrones.

Já referi a minha aversão a ver séries-tendência. Detesto que estejam todos a falar no assunto e a largar spoilers como quem semeia coentros. Não gosto! Por isso evito. E resisto. 

Para terem uma noção da minha capacidade de resistência, quando finalmente resolvi ver Game Of Thrones já existiam seis temporadas! E quem me dera ter resistido mais porque só eu sei a tortura que foi esperar pela sétima temporada e o desespero que está a ser esperar pela oitava. 

Querem um conselho de amiga? Esperem que a oitava temporada esteja disponível e comecem a ver a série apenas nessa altura. Garanto-vos que não vão conseguir resistir a fazer maratonas intermináveis. 

Esta é, provavelmente, uma das melhores séries de fantasia de tosos os tempos. Mesmo para quem não é fã do género.


E vocês, quais são as séries que recomendam?
Reading Time:

sábado, 1 de setembro de 2018

@way2themes