Avançar para o conteúdo principal

5 Séries Que Adorava E Deixei De Ver.

Já não é segredo para ninguém que sou uma consumidora assídua de séries. Aliás, façam disso uma profissão que eu sou a primeira a candidatar-me. 

Não sei se já vos aconteceu perderem-se de amores por uma série e, de repente, e por vezes sem qualquer motivo aparente, deixam de a acompanhar. A mim acontece-me algumas vezes, especialmente entre temporadas. 

Vamos lá conhecer os meus amores perdidos - mas não esquecidos.

Resultado de imagem para grey's anatomy
1. Greys's Anatomy

Drama, amor e sexo, com alguns termos médicos à mistura. Basicamente, é isto.

Era praticamente uma religião cá em casa. As horas de almoço deixaram de ser para almoçar e passaram a ser para enfiar algo pela goela abaixo enquanto se alampa o cu no sofá e se vê um episódio da Anatomia de Grey.

Entretanto a hora de almoço da minha mãe alterou, eu fiquei eternamente à espera dela e acabámos por perder o fio à meada.

Já por diversas vezes falámos em recomeçar a ver, a partir do primeiro episódio, mas ficamos sempre intimidadas com o número de temporadas disponível.



Resultado de imagem para the night shift elenco
2. Night Shift

É uma série hospitalar mas não tão cheia de dramalhões fúteis como Anatomia de Grey. Em Night Shift vemos o pior das Urgências, os melhores médicos e as maiores loucuras. 

A primeira temporada deixou-me a babar! Queria mais, e mais, e mais. Quase que espumava da boca, no entanto a segunda temporada demorou a chegar e, sem saber como, quando me apercebi já rodava a quarta temporada.


Resultado de imagem para bones tv show
3. Bones

Uma brilhante antropóloga forense - e a sua equipa de nerds - alia-se a um dedicado investigador do FBI para solucionar os mais variados homicídios e dar voz aos que já não podem falar.

Uma combinação improvável que, contra todas as possibilidades, deu certo. 

Abandonei a série sem qualquer razão mas agora regressei e, como não sabia onde tinha parado, resolvi voltar a ver tudo do início.


Resultado de imagem para nashville tv show
4. Nashville 

Uma excelente série para os amantes de música no geral, e para os amantes de música country em particular ou para quem, como eu, nem sequer sabia que gostava de música country.

Entre concertos, discos e canções, são as personagens complexas com os seus medos e as suas esperanças que nos fascinam.

Distraí-me apenas por um momento e não me apercebi que a quinta temporada já ia avançada e que uma das minhas personagens favoritas tinha morrido. WTF!?


Imagem relacionada
5. The Walking Dead 

The Walking Dead estreou em 2010 e rapidamente conquistou legiões de fãs por todo o mundo. Todos viam The Walking Dead, todos falavam de The Walking Dead e, como acontece com todas as tendências, eu ignorei.

Gosto de esperar que a euforia acabe para que, com calma, eu possa assistir e formar a minha opinião sem interferências externas.

Comecei a ver The Walking Dead numa noitada de trabalho em que pretendia qualquer coisa para ir espreitando e que me ajudasse a não cair desmaiada em cima do portátil. Vi a primeira temporada e, ao contrário do que esperava,  gostei. Passei para a segunda temporada e o meu entusiasmo foi esmorecendo. Acabei por abandonar a série e não sei se vou retomar.

Comentários

  1. Vejo Anatomia de Grey, The Night Shift, Bones e The Walking Dead. A Anatomia de Grey já perdeu aquele seu "encanto", no tempo do George e da Izzy era totalmente viciada. Numa semana via uma data de temporadas agora vejo quando sai novos episódios mas não é a mesma coisa. The Night Shift continuo a gostar. Bones finalmente acabou, já era sempre mais do mesmo e Walking Dead também já não me diz tanto como no início, vou vendo. Mais por não gostar de deixar coisas a meio :P

    ResponderEliminar
  2. Eu deixei de ver Greys Anatomy porque retiraram algumas das minhas personagens favoritas, e deixou de valer a pena.
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  3. De todas estas, só vejo Nashville, e adoro! Está cada vez melhor :)

    ResponderEliminar
  4. Identifiquei-me imenso com a primeira frase!
    Aconteceu-me o mesmo com a Anatomia de Grey. Adorava a série, mas de um momento para o outro deixei de ver e depois nunca mais retomei. Quanto a Ossos, nunca acompanhei regularmente, mas tenho cada vez mais curiosidade em ver do início.

    ResponderEliminar
  5. isso aconteceu-me com o the vampire dairies, the originals, eu comia, dormia VIVIA essas series mas depois não sei porque deixei de ver... talvez tenha sido o final das temporadas e quando voltou a nova não liguei
    beijinhos, Akira do Viver num t0

    ResponderEliminar
  6. Sigo as duas primeiras e confesso que, apesar de dizer mil e uma vezes que Grey's já está muito avançada, continuo a ver :)

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Relacionamentos: É Amor ou Comodismo?

"O amor é a base de qualquer relacionamento."
Existem algumas certezas que sempre me acompanharam durante o meu crescimento. 
Uma delas, talvez uma daquelas em que acreditava com mais tenacidade, era que todos os relacionamentos se baseavam em amor.
Depois cresci, não muito confesso. Continuo a manter uma certa ingenuidade e a guardar com carinho muitos dos meus sonhos de menina mas, inevitavelmente, a vida acontece, e o mundo que inicialmente era a preto e branco, começa a ganhar diversos tons de cinza.
E, com muita tristeza minha, apercebi-me que a grande parte dos relacionamentos não tem por base o amor mas sim o comodismo. Quando ficamos por hábito, por não querer admitir que não resultou, por medo do desconhecido ou, simplesmente, porque não temos coragem de abrir o nosso coração ao desconhecido e tentar outra vez.
Existem avisos, sempre, mesmo quando queremos negar ou preferimos não encarar a dura verdade. Quando os gestos de carinho são inexistentes. Quando qualquer moment…

Mais de 1500.

Imagem de Deathtostock
Mais de 1500 publicações, 1507 se quisermos levar a precisão ao extremo. Mais de 1500 opiniões, parvoíces, textos, frases, imagens e idiotices.
Não posso dizer que estou surpreendida pelo número de publicações visto que, quando criei este blogue fi-lo com o objetivo de criar algo duradouro, algo que me acompanhasse, crescesse e evoluísse comigo. O que me surpreende são vocês. Vocês, que começaram a ler e gostaram. Vocês, que despendem de um pouco do vosso dia para apoiar, criticar ou dar a vossa opinião. Vocês, que continuam a voltar dia após dia mesmo quando as actualizações são raras. A todos vocês muito obrigado.

Decisões de Menina Crescida.

Tenho a oportunidade de me envolver numa empresa que me irá dar alguma estabilidade e, a longo prazo, uma carreira profissional sólida. No entanto é necessário realizar um investimento inicial que, neste caso, iria envolver todas as minhas economias. 
A verdade é que tenho algum receio. O que para a maioria das pessoas envolvidas no negócio pode ser um valor insignificante, para mim abrange praticamente a totalidade do capital que tenho disponível e não consigo deixar de me sentir insegura e algo ansiosa. Detesto a sensação de ficar financeiramente desprotegida, ainda que por pouco tempo.
Tenho que tomar uma decisão até dia 25 e espero decidir pelo melhor mas, muito honestamente, não faço a menor ideia do que devo fazer.