Abril 2017 - Perfeitamente Imperfeito

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Arenas do Século XXI
abril 28, 2017 6 Comments
O Gladiador foi um dos filmes que mais me marcou. Vi-o com cerca de 10 anos, e foi um dos primeiros - se não o primeiro - filme "de crescidos" que me surpreendeu. Surpreendeu-me pelo amor. Surpreendeu-me pela coragem. Mas, acima de qualquer outra coisa, surpreendeu-me pela maldade.

Nunca lidei bem com o sofrimento alheio, mesmo que seja em filmes. E, especialmente filmes tão realistas como O Gladiador, deixam-me fisicamente mal disposta. Lembro-me de passar o filme a pensar "Como é que isto pode ter acontecido?". Trata-se de uma história fictícia mas, ainda assim, tem bastantes factos reais e o filme, que tanto me impressionou, também me fez refletir: Até que ponto pode ir a maldade humana?

É difícil escolher o momento mais marcante num filme tão complexo e forte como é O Gladiador mas, se tivesse que escolher, escolhia as cenas na arena. A maldade e a indiferença coletiva deixaram-me completamente boquiaberta e o facto de uma multidão obter qualquer tipo de prazer com o sofrimento alheio é algo inconcebível para mim. 

Mas, mais assustador do que qualquer filme, é o facto de hoje em dia repetirmos os comportamentos que hipocritamente apelidados de bárbaros. Naquela época não existia informação, os direitos humanos era algo utópico e ninguém tinha sequer a audácia de pensar em criticar o imperador. 

Mas qual é a nossa desculpa hoje? Que desculpa temos para os jovens - e adultos - que oferecem o punho à mínima provocação? Que desculpa temos para os círculos que se formam em volta de uma briga, em que todos incitam a violência e se preocupam mais em filmar do que em terminar o conflito? Que desculpa temos nós para a nossa indiferença?

Fico genuinamente preocupada com o desenvolvimento ou, neste caso, falta de desenvolvimento da raça humana. Temos um potencial gigantesco, enormes quantidade de informação à distância de um clique e, acredito sinceramente, podíamos ser verdadeiramente geniais. Mas não, parecemos determinados em repetir os erros do passado e a alimentar ciclos viciosos de violência. 

Vejo cada vez mais humanos e cada vez menos Humanidade. E isso, é algo que me assusta verdadeiramente.
Reading Time:

quinta-feira, 27 de abril de 2017

quarta-feira, 26 de abril de 2017

A Música da Semana.
abril 26, 2017 7 Comments

Não consigo evitar, Despacito de Luis Fonsi e Daddy Yankee tem andado em modo non-stop aqui por casa (e no carro, e no ginásio...). 

Mais algum fã por aí?

Reading Time:

terça-feira, 25 de abril de 2017

Particularidades #110
abril 25, 2017 5 Comments

O facto de não existir cinema na minha cidade é algo que me irrita profundamente.

Reading Time:

sexta-feira, 21 de abril de 2017

O Filme da Semana | Beauty And The Beast [2017]
abril 21, 2017 11 Comments
Resultado de imagem para beauty and the beast

Como em todos os filmes que dão que falar, A Bela e o Monstro dividiu opiniões.

Enquanto uns gritam aos sete ventos que a adaptação era completamente desnecessária e que não acrescenta nada de novo à história, outros afirmam que é um dos melhores filmes que já viram.

Eu, confesso, pertenço ao segundo grupo. Não é a primeira adaptação que utiliza personagens de carne e osso para representar a tão acarinhada história de A Bela e o Monstro, mas é sem dúvida a melhor. Ou não fosse uma adaptação Disney.

O filme segue os traços gerais do clássico de animação da Disney mas acrescenta alguns promenores e informações que, na minha opinião, fazem toda a diferença. 

Se quando vi o trailer estranhei alguns dos personagens e pensei que o meu querido Chip estava arruinado, quando vi o filme percebi que não poderia ter sido de outra forma e que os personagens se enquadravam perfeitamente no cenário.

Só tenho pena de não terem investido numa caracterização menos artificial para o Monstro e de não ter sido eu a escolhida para interpretar a personagem da Bela, no entanto, à falta do meu génio cinematográfico, acho que a Emma fez uma excelente prestação.

Acredito genuinamente que é um filme que não devem perder. Apesar do início - demasiado artificial para o meu gosto - este filme deixou-me com um sorriso tolo nos lábios do início até ao fim e, quando terminou, estava pronta para o ver novamente e voltar a ouvir todas as músicas - novas e antigas - que compõem esta fantástica banda sonora.

Sorri, chorei, cantei e, acima de tudo, foi muito feliz. Que mais se pode pedir de uma história intemporal?

Classificação Encantada: 1 Milhão!
Classificação IMDb: 7,7
Reading Time:

quarta-feira, 19 de abril de 2017

A Música da Semana
abril 19, 2017 5 Comments

Conheci a nova música da Lady Gaga através do Ricardo e, mesmo não sendo uma das minhas favoritas, gostei bastante.

Já conheciam? 
Reading Time:

terça-feira, 18 de abril de 2017

Particularidades #109
abril 18, 2017 14 Comments

Não sei como é que a cerveja é a bebida de eleição da maioria dos portugueses. Cá a mim cheira-me a mijo de burro.

Reading Time:

segunda-feira, 17 de abril de 2017

TOO COOL FOR SCHOOL | Egg Mellow Body Butter
abril 17, 2017 3 Comments
Imagem relacionada
Egg Mellow Body Butter, ou, A Minha Nova Perdição.

Quando penso que já encontrei os eleitos para os meus cuidados diários e que nada nem ninguém me vai fazer mudar de ideias, eis que conheço um novo produto que deixou o meu coração a saltitar.

Numa das minhas visitas à Sephora - eu  juro que me tento afastar, mas não consigo! - experimentei a Egg Mellow Body Butter. Foi algo completamente aleatório e, confesso, fui atraída pelas embalagens amorosas.

Nunca tinha experimentado nenhum produto da Too Cool For School e, para além de achar o nome super engraçado, não sabia praticamente nada sobre a marca. A Egg Mellow Body Butter foi uma excelente embaixadora e conquistou-me pelo seu aroma agradável, mas suave, e pela sua textura amanteigada de rápida absorção

Esta manteiga corporal é a mistura perfeita entre ovo, manteiga de karité e óleos hidratantes. Adequada a todos os tipos de pele, a Egg Mellow Body Butter tem como principal função hidratar e criar uma barreira protetora que mantém a hidratação da pele. 

É um produto perfeito para quem, como eu, tem a pele seca. O facto de ser bastante fácil de espalhar e de rápida absorção são dois pontos a favor para quem não gosta de perder muito tempo a aplicar um hidratante.


Já conheciam a Egg Mellow Body Butter? 
Existe mais algum produto da Too Cool For School que recomendem?
Reading Time:

sábado, 15 de abril de 2017

Planos para o dia 9 de Junho?
abril 15, 2017 6 Comments
Resultado de imagem para ricky martin portugal 2017 bilhetes

Se tudo correr bem, dia 9 de Junho vai ser dia de realizar mais um sonho.

Vou encontrar algum de vocês por lá?
Reading Time:

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Viajar Por Países.
abril 13, 2017 5 Comments
Por mais que adore viajar e tenha o desejo de conhecer praticamente cada cantinho do nosso planeta, nunca fiz disso um concurso.

Não consigo compreender as pessoas que escolhem o destino da próxima viagem apenas com o objetivo de dizer que vão visitar um novo país. Será que passar três dias em Paris justifica excluir qualquer destino francês apenas porque já estivemos em França? 

Entendo, e partilho, o desejo de querer ver mais, de querer conhecer novas culturas, novas paisagens e novas pessoas, mas uma cidade dificilmente representa toda a cultura de um país.

Imagem de unsplash.com

Reading Time:
Podíamos ser tão felizes juntos #2

segunda-feira, 10 de abril de 2017

NETFLIX: Sim ou Não?
abril 10, 2017 8 Comments
Resultado de imagem para netflix logo branco https

Depois de vos ter dado aqui uma pequena introdução sobre o Netflix resolvi responder à questão que realmente importa: vale a pena aderir?

Vantagens do Netflix

Os Originais
E quando digo Os Originais não me refiro à série - que, por acaso, adoro de paixão - mas sim às produções originais do Netflix. Ainda não vi nenhuma produção original Netflix que não me cativasse.

Milhares de Horas de Entretenimento
E não, não estou a exagerar. Entre séries, filmes, documentários e outros que tais, as opções são praticamente infinitas e o difícil vai ser escolher.

Saltar Introdução
O botão no canto inferior direito que diz "Saltar Introdução" pode não parecer relevante mas, quando estão a ver uma série com 7 temporadas provavelmente já dispensam a introdução e preferem correr para o episódio.
A pensar nos seus utilizadores mais ávidos - e impacientes - o Netflix disponibiliza esta opção que vos conduz diretamente para o início do episódio sem ter de andar "para trás e para a frente".

Perfil Personalizado
O Netflix permite criar um perfil personalizado para cada utilizador e, caso tenham um pacote que permite mais do que um acesso em simultâneo, podem criar um perfil para cada um dos utilizadores.
Esse perfil é função bastante pessoal que não dispenso. No início podem selecionar algumas das séries e filmes que gostam e, conforme as vossas preferências, o Netflix irá sugerir alguns títulos semelhantes e poupar-vos algum tempo de pesquisa.


Desvantagens do Netflix

O Preço
Não sendo um serviço estupidamente caro - porque não é - a verdade é que tem um custo e, por mais pequeno que possa parecer, muitas pessoas podem não estar disponíveis para pagar esse valor. (Podem saber mais sobre os diferentes pacotes disponíveis aqui.)

Não tem tudo
Corre por aí o rumor de que "o Netflix tem tudo". Não tem. No entanto tem bastantes opções e a lista de filmes e séries disponíveis está em constante crescimento.


O Veredicto Final

Obviamente que tudo depende de vocês, da vossa situação financeira e, principalmente, do uso que vão - ou não - fazer deste serviço.

Se me dizerem que provavelmente vão ver dois filmes por mês, provavelmente esta não será a opção mais adequada. Por outro lado, se os vossos domingos são passados em maratonas de filmes e o desejo de descobrir e devorar novas séries é uma constante, então este têm aqui uma excelente opção.
Reading Time:
Dramas de Verão
abril 10, 2017 3 Comments
Imagem de unsplash.com

A road trip do verão passado foi tão fantástica e inacreditável que este ano estou a pensar repetir a dose, desta vez por Andaluzia.

Alguns secretos e dicas sobre esta região que queiram partilhar?

Reading Time:

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Mas afinal o que é o Netflix?
abril 07, 2017 8 Comments
Resultado de imagem para netflix logo branco https
Para muitos de vocês esta publicação poderá parecer ridícula mas, como ainda são várias as vezes que me pedem para explicar o que é o tão falado Netflix, resolvi fazer um pequeno esclarecimento sobre o assunto.


O que é o Netflix?

Assim de uma forma muito básica e que todos vão atender, o Netflix é o dealer de qualquer viciado em filmes e séries.

Para os mais curiosos, e que gostam de levar a coisa mesmo a sério, o Netflix, fundado em 2007 nos Estados Unidos da América, é um serviço de streaming que começou a sua expansão mundial em 2010. Atualmente está disponível em todo o mundo com a excepção da China, Coreia do Norte, Crimeia e Síria - vá se lá perceber porquê.


Séries Originais

Orange Is The New Black, House of Cards, Stranger Things, Narcos e o mais recente 13 Reasons Why são nomes que a maioria já conhece, e apenas alguns dos originais Netflix

Além das fantásticas produções, o Netflix acabou com aquela sensação horrível de ter de esperar uma semana pelo próximo episódio. Ah, pois é! O Netflix é vosso amigo, e quando faz um lançamento disponibiliza a temporada toda em vez de andar a racionar episódios. 

Obviamente que, para além dos originais Netflix, o serviço disponibiliza muitos outros filmes e séries.


É tudo muito bonito, mas e o preço?

Como em praticamente tudo na vida, o preço varia conforme o serviço que pretendem. O Netflix disponibiliza três pacotes - Base, Standard e Premium - cada um com as suas características e, obviamente, o seu valor.

Pacote Base - 7.99€. Conteúdos com qualidade SD. 1 dispositivo.

Pacote Standard - 9.99€. Conteúdos com qualidade HD. 2 dispositivos em simultâneo.

Pacote Premium- 11.99€. Conteúdos com qualidade HD e Ultra HD. 4 dispositivos em simultâneo.

Os valores são pagos mensalmente e podem desistir a qualquer momento. Cá por casa temos o Pacote Premium e estamos bastante satisfeitos.

Para terem uma ideia, como permite o acesso a quatro dispositivos em simultâneo, a vossa mãe pode estar na televisão da sala a ver Gilmore Girls, o vosso irmão pode estar no café a ver Iron Fist, a vossa irmã pode estar no quarto a ver Pokémon e vocês podem estar no Algarve a verem 13 Reasons Why.


Ficaram esclarecidos? Se tiverem alguma dúvida, deixem nos comentários que irei responder.
Reading Time:
A Música da Semana | The Calling - Wherever You Will Go

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Os meus irmãos favoritos estão de volta!
abril 05, 2017 12 Comments
Resultado de imagem para prison break 2017

Após 8 anos, Prison Break regressa aos nossos ecrãs. E eu já estou sentadinha, prestes a carregar no play.
Reading Time:

@way2themes