segunda-feira, 17 de agosto de 2015

A imagem que está a chocar os parvos, perdão, o mundo.

Cesariana

Helen Aller, fotográfa de 29 anos, captou a imagem de uma mulher deitada com o seu filho nas pernas após uma cesariana e, claro, depois de publicada no Facebook, criou mais discórdia do que quando a Pocahontas deixou o John Smith para ficar com o John Rolfe.

Enquanto uns afirmam que é "ofensiva", "nojenta", "sexualmente explícita" e "pornografia não explícita" eu defendo que é uma imagem simples mas que transmite toda uma complexidade emocional cativante e realmente bonita. 

A fotografia foi um pedido especial da recente mamã cujo maior medo era ter de realizar uma cesariana. Por ironia do destino acabou por ter de realizar uma cesariana de emergência e foi o procedimento que tanto temia que salvou não só o seu bebé mas também a sua própria vida.

É triste ver até onde vai ignorância e a maldade humana e resta-me desejar uma vida mais completa a todos os frustrados e ignorantes que conseguem criticar de forma tão cruel uma imagem que só demonstra amor.

14 comentários:

  1. É uma imagem forte! Mas o amor transborda pela fotografia e é isso que a torna maravilhosa. Sinceramente, não percebo onde podem encaixar as acusações que referiste em cima. Ver "gajas nuas" deve ser bem melhor e menos sexualmente explicito. Mentes pouco desenvolvidas.

    ResponderEliminar
  2. Não vejo mal e tem bastante significa para essa mãe de certeza

    ResponderEliminar
  3. A fotografia não tem nada de mal. O mal, esse está dentro da cabeça das pessoas. "Ofensiva", "nojenta", "sexualmente explícita" e "pornografia não explícita", onde? Admira-me que algumas pessoas estejam mais preocupadas com a suposta nudez da foto, suponho que seja por isso que se tenha gerado uma onda de contestação, do que com a saúde do bebé e da mãe que, afinal de contas, acabou por passar por um momento que lhe causava medo e que se não o tivesse feito duas vidas teriam sido perdidas. Um bem haja às mentes perversas!

    ResponderEliminar
  4. Se alguém dissesse que "não habia nexexidade", ainda se compreendia. Agora ofensiva, nojenta ou pornográfica, é de gente retardada que vê em tudo o pecado, menos nas merdas que lhes saem pela boca fora.
    Enfim, sempre ouvi dizer que "o bom julgador, por si se julga". Na maior parte das vezes, a porcaria está dentro da cabeça de quem julga. :/

    ResponderEliminar
  5. Há gente muito estúpida, não vejo nenhum mal nesta foto..

    ResponderEliminar
  6. Hoje em dia não se pode dizer ou fazer nada. Em vez de evoluírem parece que as pessoas estão todas a regredir. Tratando-se de uma mãe e filha, não vejo nenhum problema com esta foto. A gravidez, parto, etc, é uma coisa natural, e mesmo assim conseguem transformá-la em algo de obsceno. Ridículo!

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
  7. Eu acho a imagem ternurenta! E só mentes muito perversas é que vêem algum mal nela!

    ResponderEliminar
  8. Para mim é uma fotografia bem bonita... que retrata um momento que quase todas nós (mulheres) tememos mas que acaba por o tornar na felicidade que se vê na imagem!

    ResponderEliminar
  9. Faz-se demasiado alarido por tudo e por nada..
    Que canseira!
    Eu acho que a foto é linda e cheia de significado.

    ResponderEliminar
  10. O problema está na cabeça das pessoas não na fotografia :)
    Bj S

    ResponderEliminar
  11. gente ignorante faz comentários desses que mencionaste !
    Adorei a foto !

    ResponderEliminar
  12. Demonstra muito amor mesmo! Gente mesquinha...

    ResponderEliminar

Christmas TAG [Parte 2]

Tal como prometido, aqui fica a segunda parte da Christmas TAG. 8- Sê honesto, preferes dar ou receber presentes? Não só adoro dar ...