Avançar para o conteúdo principal

Deixa As Palavras Voarem: Namorados - Eu e Ele.


Eu sou baixinha, Ele é alto. Eu gosto de chá, Ele prefere café. Eu adoro ler, Ele foge dos livros como o diabo da cruz. Eu dispenso as idas aos café, Ele vai todos os dias. Eu tenho roupa de todas as cores, Ele prefere o preto e o branco. Eu adoro séries, Ele prefere filmes. Eu gosto de fugir da rotina, Ele gosta da rotina. Eu gosto de andar a pé, Ele prefere andar de carro. Eu gosto de praia, Ele prefere piscina. Eu sou optimista, Ele reclama. Eu bebo sumos naturais, Ele bebe coca-cola. Eu não dispenso sopas e saladas, Ele não dispensa a carne. Eu não dispenso pijamas fofinhos, Ele nunca usa pijama. Eu detesto o cheiro do tabaco, Ele fuma. Eu quero mudar o mundo, Ele acha que não é problema dele. Eu gosto de resolver tudo na hora, Ele prefere pensar sobre o assunto. Eu sou extrovertida, Ele é sossegado. 

Podia continuar indefinidamente e podia dizer que as diferenças não importam mas estaria a mentir. As diferenças importam e causam uma diferença abismal. São essas diferenças que nos aproximam e que nos mantém juntos. São essas diferenças que tornam todos os dias únicos e todos os momentos especiais. São esses diferenças que nos equilibram enquanto seres individuais e que fazem com que sejamos melhores indivíduos desde que estamos juntos. São essas diferenças que nos fazem estar juntos à cinco anos e meio. Ele não é a pessoa que eu imaginava ao meu lado mas, neste caso, recebi muito mais do que aquilo que alguma vez imaginei. 

Comentários

  1. Caramba, que forma tão gira de declaração.

    ResponderEliminar
  2. ohhh adorei *.* que querida! devias-lhe mostrar, se ainda não o fizeste! Eu também sou supeer diferente do meu e já namoramos há 3 anos e meio :)

    ResponderEliminar
  3. Identifiquei-me imenso :')


    *Beijinhos*
    Caty<3
    http://myfairytale4.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. E o importante é se sentirem felizes um com o outro e amarem-se. Gostei muito. Obrigada pela participação.

    ResponderEliminar
  5. R.: Tbm vi o American Sniper sem expectativas nenhumas mas só o facto de saber que o Bradley Cooper era o actor principal fez-me logo ganhar curiosidade. E depois adorei o filme, vê-se muito bem e não achei nada aborrecido apesar da história ser tão simples, mas acho que não deve ganhar o óscar de melhor filme nem de melhor actor comparado com os outros nomeados :)

    ResponderEliminar
  6. Dizem que os opostos se atraem. Mas o que importa, é serem felizes :)

    ResponderEliminar
  7. Tao lindo, amores assim sao os que mais tocam nao é verdade? :)

    ResponderEliminar
  8. Cinco anos e meio é muito tempo! Que assim continuem por muito mais!

    ResponderEliminar
  9. Adorei, muito bonito! Felicidades :)

    ResponderEliminar
  10. Gostei tanto, é bonita a vossa história.
    Vou seguir-te, beijinhos :)

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Relacionamentos: É Amor ou Comodismo?

"O amor é a base de qualquer relacionamento." Existem algumas certezas que sempre me acompanharam durante o meu crescimento.  Uma delas, talvez uma daquelas em que acreditava com mais tenacidade, era que todos os relacionamentos se baseavam em amor. Depois cresci, não muito confesso. Continuo a manter uma certa ingenuidade e a guardar com carinho muitos dos meus sonhos de menina mas, inevitavelmente, a vida acontece, e o mundo que inicialmente era a preto e branco, começa a ganhar diversos tons de cinza. E, com muita tristeza minha, apercebi-me que a grande parte dos relacionamentos não tem por base o amor mas sim o comodismo. Quando ficamos por hábito, por não querer admitir que não resultou, por medo do desconhecido ou, simplesmente, porque não temos coragem de abrir o nosso coração ao desconhecido e tentar outra vez. Existem avisos, sempre, mesmo quando queremos negar ou preferimos não encarar a dura verdade.  Quando os gestos de carinho são inexistentes. Quando qualquer m

Mais de 1500.

Imagem de Deathtostock Mais de 1500 publicações, 1507 se quisermos levar a precisão ao extremo. Mais de 1500 opiniões, parvoíces, textos, frases, imagens e idiotices. Não posso dizer que estou surpreendida pelo número de publicações visto que, quando criei este blogue fi-lo com o objetivo de criar algo duradouro, algo que me acompanhasse, crescesse e evoluísse comigo. O que me surpreende são vocês. Vocês, que começaram a ler e gostaram. Vocês, que despendem de um pouco do vosso dia para apoiar, criticar ou dar a vossa opinião. Vocês, que continuam a voltar dia após dia mesmo quando as actualizações são raras. A todos vocês muito obrigado.

Decisões de Menina Crescida.

Tenho a oportunidade de me envolver numa empresa que me irá dar alguma estabilidade e, a longo prazo, uma carreira profissional sólida. No entanto é necessário realizar um investimento inicial que, neste caso, iria envolver todas as minhas economias.  A verdade é que tenho algum receio. O que para a maioria das pessoas envolvidas no negócio pode ser um valor insignificante, para mim abrange praticamente a totalidade do capital que tenho disponível e não consigo deixar de me sentir insegura e algo ansiosa. Detesto a sensação de ficar financeiramente desprotegida, ainda que por pouco tempo. Tenho que tomar uma decisão até dia 25 e espero decidir pelo melhor mas, muito honestamente, não faço a menor ideia do que devo fazer.