Avançar para o conteúdo principal

Deixa as Palavras Voarem | Ano Novo.

Temas de Janeiro

Ano novo, vida nova. Quantos de nós já ouvimos esta expressão? E melhor, quantos de nós já a utilizamos? Não aprecio muito o Ano Novo como festa, acho um tanto ou quanto sem sentido, no entanto aprecio a ideia do recomeço, a ideia de iniciar um livro em branco e a vontade de o tornar memorável. No entanto é apenas isso, uma ideia. Não temos realmente um livro em branco, não apagamos todo o que vivemos até à dada, mau ou bom. Não é realmente possível começar de novo. A nossa vida é um livro e não uma colectânea de volumes.

Não precisamos que chegue o dia 1 de Janeiro para realizar os nossos sonhos. Não precisamos do dia 1 de Janeiro para dar mais atenção à nossa família, nem para estudar mais e obter melhores resultados, nem para começar a praticar um desporto, nem para ler o livro que está a ganhar pó na prateleira à seis meses, nem para começar a cozinhar, nem para as gargalhadas com os amigos, nem para os banhos de espuma no fim de um dia exaustivo, nem para ver um filme a uma sexta-feira à noite mas, acima de tudo, não precisamos do dia 1 de Janeiro para sermos felizes.

Não precisamos, a verdade é essa, mas por vezes precisamos de sentir que temos uma segunda oportunidade. Precisamos de sentir que deixámos para trás um capítulo menos bom e que agora tudo vai ser melhor ou, na melhor das hipóteses, precisamos de celebrar um ano fabuloso, recheado de acontecimentos marcantes e pedir que o próximo ano seja tão bom como o que passou mas desejar secretamente que seja ainda melhor porque, se conseguimos tanto este ano, nada nos vai para no próximo. 

Afinal, pensandoo bem, talvez até goste do Ano Novo.

Comentários

  1. estou em engenharia química :) quem sabe não começas a gostar do teu curso... nós aprendemos a gostar! não desanimes, vai correr tudo bem!

    ResponderEliminar
  2. Gostei (mais uma vez) do teu texto querida Tulipa :) eu já escrevi os meus textos para o DAPV e já estão agendados para os dias respectivos :) vamos ver se sai algo de jeito. Mas nesta temática do Ano Novo temos uma visão semelhante sobre o assunto :)

    r: bem, ainda bem que ao menos essa área te dá bastante margem de manobra para escolheres o mestrado mais indicado para ti querida. Espero que nessa altura te sintas mais motivada e à vontade. Sei o que é estar num curso que não se gosta. Isso não me aconteceu na faculdade mas aconteceu-me no secundário. Fui para ciências e era a cena que mais detestava. Tanto que, apesar de ter sido sempre excelente aluna, no 10º ano logo no primeiro período tinha negativa a tudo menos a português e ed. física. Foi a gota de água e a minha mãe (finalmente) aceitou transferir-me para artes. Depois disso olha, foi sempre a tirar excelentes notas :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. R: já segui querida, já sou licenciada em Cenografia. Mas ainda nao sei que mestrado tirar. Não encontrei nenhum que me atraisse e portanto resolvi parar por este ano em vez de estar a pagar por algo que não me enchesse as medidas. Quanto ao lanche no Mc, fiz uma promessa de ser saudável portanto acho que vou ter de deixar o Mc por uns tempos xD

      Eliminar
  3. Que todos os dias do seu ano sejam fantásticos!!

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. r: eu estou no curso de gestão e adoro :)
    bom ano :)

    ResponderEliminar
  5. R: Ainda bem que achas viciante, ahahaha Obrigada pela tua participação

    ResponderEliminar
  6. Adorei :')

    *Beijinhos*
    Caty<3
    http://myfairytale4.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito :) E é verdade, este recomeço que falamos no ano novo, não passa de uma necessidade que temos de recomeçar e deitar fora certas coisa menos boas :) Mas é um motivo para conviver e por isso, é sempre bem-vindo!

    ResponderEliminar
  8. Gostei tanto *.* Descobri o teu blog recentemente (shame on me) e estou realmente encantada. Tens aqui um espaço lindo, bem estruturado e muito interessante e fiquei fã. Já sou tua seguidora e acho que nos vamos dar muito bem! Espero que continues o bom trabalho que tens feito eu volto, de certezinha.
    Patrice,
    Pause

    ResponderEliminar
  9. Estas palavras poderiam ter sido escritas por mim pois também penso assim! Adorei :)

    ResponderEliminar
  10. Muito bom!
    Beijo*
    http://i-set-my-world-on-fire.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Relacionamentos: É Amor ou Comodismo?

"O amor é a base de qualquer relacionamento." Existem algumas certezas que sempre me acompanharam durante o meu crescimento.  Uma delas, talvez uma daquelas em que acreditava com mais tenacidade, era que todos os relacionamentos se baseavam em amor. Depois cresci, não muito confesso. Continuo a manter uma certa ingenuidade e a guardar com carinho muitos dos meus sonhos de menina mas, inevitavelmente, a vida acontece, e o mundo que inicialmente era a preto e branco, começa a ganhar diversos tons de cinza. E, com muita tristeza minha, apercebi-me que a grande parte dos relacionamentos não tem por base o amor mas sim o comodismo. Quando ficamos por hábito, por não querer admitir que não resultou, por medo do desconhecido ou, simplesmente, porque não temos coragem de abrir o nosso coração ao desconhecido e tentar outra vez. Existem avisos, sempre, mesmo quando queremos negar ou preferimos não encarar a dura verdade.  Quando os gestos de carinho são inexistentes. Quando qualquer m

Mais de 1500.

Imagem de Deathtostock Mais de 1500 publicações, 1507 se quisermos levar a precisão ao extremo. Mais de 1500 opiniões, parvoíces, textos, frases, imagens e idiotices. Não posso dizer que estou surpreendida pelo número de publicações visto que, quando criei este blogue fi-lo com o objetivo de criar algo duradouro, algo que me acompanhasse, crescesse e evoluísse comigo. O que me surpreende são vocês. Vocês, que começaram a ler e gostaram. Vocês, que despendem de um pouco do vosso dia para apoiar, criticar ou dar a vossa opinião. Vocês, que continuam a voltar dia após dia mesmo quando as actualizações são raras. A todos vocês muito obrigado.

Decisões de Menina Crescida.

Tenho a oportunidade de me envolver numa empresa que me irá dar alguma estabilidade e, a longo prazo, uma carreira profissional sólida. No entanto é necessário realizar um investimento inicial que, neste caso, iria envolver todas as minhas economias.  A verdade é que tenho algum receio. O que para a maioria das pessoas envolvidas no negócio pode ser um valor insignificante, para mim abrange praticamente a totalidade do capital que tenho disponível e não consigo deixar de me sentir insegura e algo ansiosa. Detesto a sensação de ficar financeiramente desprotegida, ainda que por pouco tempo. Tenho que tomar uma decisão até dia 25 e espero decidir pelo melhor mas, muito honestamente, não faço a menor ideia do que devo fazer.