Novembro 2014 - Perfeitamente Imperfeito

domingo, 30 de novembro de 2014

Injustiças da vida.
novembro 30, 2014 4 Comments
Uma pessoa quer aproveitar os últimos minutos do domingo para se enroscar debaixo de uma bela manta polar, com uma chávena de chá na mão, o portátil à frente e ver uns episódios das suas séries favoritas mas NÃOOOOOO, malditos feriados americanos que impedem que os novos episódios cheguem até mim! Nada contra, se há pessoa que gosta de festa essa pessoa sou eu mas epá não mexam com a ordem do mundo, que mal fazia terem saído os episódios Revenge, Once Upon a Time, White Collar e The Vampire Diaries? Nenhum, claro! Ao menos tenho The Originals para me consolar, vou só ali chorar no ombro do Elijah e já venho.
Reading Time:
Particularidades #16
novembro 30, 2014 7 Comments
Detesto horários! Tolero-os quando não tenho alternativa mas detesto-os. Não tenho qualquer problema com prazos, muito pelo contrário. Sou uma grande apreciadora de prazos e, quando não são impostos, imponho-os a mim própria como uma forma de me manter organizada, não acumular trabalho e cumprir objectivos.

Gosto de estar ocupada e ter muita coisa para fazer mas detesto que me digam quando devo fazê-lo. É inevitável eu sei mas não sou tão produtiva. Tendo um prazo sei que me tenho que focar nesse trabalho específico mais cedo ou mais tarde e quando mais cedo der a tarefa por terminada melhor no entanto ter a possibilidade de escolher o momento em que o passo fazer retira da equação o factor obrigação e torna tudo mais simples e agradável. Gosta da possibilidade de organizar o meu dia e o meu trabalho conforme a minha disponibilidade e disposição, nem sempre é possível mas, se pudesse escolher, seria sempre assim.

🎀
Reading Time:

sábado, 29 de novembro de 2014

O Filme da Semana - If I Stay.
novembro 29, 2014 18 Comments

Baseado no livro com o mesmo nome, If I Stay, começa com o que poderia ser um excelente dia me família mas que se transforma em tragédia. A protagonista, Mia, vai com os pais e irmão mais novo numa viagem que pretende presentear todos com um belo dia de brincadeiras na neve no entanto, a família acaba por ser ver envolvida num grave acidente que os deixa a todos em estado crítico.

Mia acorda - numa versão fantasma - ainda no meio do acidente e sem perceber porque ninguém a consegue ouvir, ao chegar ao hospital depara-se com o seu próprio corpo e percebe a situação - demasiado bem na minha opinião, qualquer pessoa que acordasse uma espécie de fantasma ficaria ligeiramente alterada - e vê a sua família chegar ao hospital.

Enquanto corre de um corredor para o outro a tentar ajudar os seus pais e irmão - sem conseguir fazer nada - o filme mostra, em flashbacks, toda a história anterior, a importância da música clássica na vida da jovem, o seu namorado Adam e a sua relação com a família.

É um filme interessante, bom mas nada de excepcional. Agradam-me especialmente as partes mais emocionais como o monólogo do avô de Mia quando fala para a neta em coma e a questão da escolha que Mia tem de fazer, ou desiste e deixa tudo para trás ou luta e acorda sem três das pessoas que mais ama.

Classificação IMDb: 7/10
Classificação Encantada: 6,9/10
Reading Time:
Uma das melhores prendas de sempre!
novembro 29, 2014 8 Comments
As melhores prendas não precisam de ser caras e extravagantes, nem sequer precisam de ser físicas. Uma das prendas mais fofinhas que recebi no meu aniversário foi-me oferecida pela querida .


Quem tem amigos assim tem tudo.Obrigada querida!

Reading Time:

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

30 Days TV Show Challenge #10
novembro 28, 2014 9 Comments
Série que achavas que não ias gostar mas acabaste por adorar.



Comecei a ver o Arrow pela cara linda do actor principal - mais honesta que isso não posso ser - mas depressa perdi o encanto. Talvez por estar numa época de exames e stressada até às orelhas numa prestei a devida atenção e acabei por desistir. 

Nunca mais voltei a pensar na série no entanto a minha mãe delirava e continuava a insistir comigo para ver e se há coisa que a senhora tem é bom gosto para séries portanto, num período ligeiramente mais calmo, voltei a dar uma oportunidade a Arrow e fiquei completamente viciada na série.

É uma série sobre Oliver, um miúdo parvo e mimado que vê o seu mundo despedaçar-se quando naufraga com o pai. O pai decide tirar a própria vida para que Oliver possa sobreviver mas antes conta-lhe toda a verdade sobre os crimes cometidos pelos mais poderosos de Starlight City - incluindo ele própria - e incentiva o filho a mudar.

Após 5 anos numa ilha supostamente deserta Oliver é resgatado e volta para casa. Aparentemente continua o rapaz que sempre foi, o rapaz que só pensa em miúdas, festas e nunca se preocupa com consequências, no entanto Oliver cria uma identidade secreta. O Capuz, como fica conhecido logo ao início, dedica-se a expor os criminosos para tentar honrar o pai e, de alguma forma, corrigir os seus erros.

A par de tudo isso existem intrigas, conspirações e dramas mais familiares que fazem com que o solitários Oliver Queen perceba que não consegue enfrentar o mundo sozinho mas, por outro lado, será que pode confiar em alguém?
Reading Time:
Particularidades #15
novembro 28, 2014 7 Comments
Adoro dourado e tenho uma quantidade considerável de peças de roupa dessa cor.

Daydreaming♥ | via Tumblr
Reading Time:
Bom dia!

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Diz que são 23.
novembro 26, 2014 15 Comments
Obrigada a todos pelos desejos de parabéns. Aqui vai uma fatia imaginária do meu bolo real para todos vocês.

P.S. Adoro-vos a todos mas a melhor prenda imaginária que recebi até hoje foi mesmo a da . Obrigada querida, ninguém me compreende como tu.


Reading Time:

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Querido Pai Natal
novembro 24, 2014 17 Comments
Nesta época estás sempre tão ocupado que este ano resolvi ajudar e poupar-te algum trabalho fazendo uma pequena lista de coisas que serão recebidos de braços abertos cá em casa. Como sou uma menina bem comportada e responsável resolvi começar primeiro pelas coisas que preciso e como o meu relógio morreu o mês passado acho que já justificada uma substituição.

Aqui ficam umas ideias, podes escolher o que quiseres. Não precisam de ser todos mas se tiveres muitos em stock e não souberes onde os guardar eu faço-te esse favor e guardo um de cada.











Reading Time:

sábado, 22 de novembro de 2014

Sábado à noite.
novembro 22, 2014 12 Comments
Ter uma irmã 15 anos mais nova implica passar algumas noites de sábado com programas mais infantis. O programa de hoje é assistir ao novo filme de Monster High, Freaky Fusion. Podia ser hipócrita, dizer que vai ser um grande sacrifício, que só o faço por causa dela, que sou a melhor irmã do mundo e blábláblá mas a verdade é que gosto bastante dos filmes de Monster High e, principalmente, da mensagem que transmitem.

Reading Time:
30 Days TV Show Challenge #9
novembro 22, 2014 5 Comments
Melhor cena de sempre

Assim que iniciei este desafio e li os 30 itens a abordar este foi o primeiro que decidi sem qualquer margem para dúvidas. É uma cena que já devo ter visto perto de 30 vezes mas cada vez que a vejo adoro-a ainda mais e não resisto a repetir só mais uma vez, ou duas, ou três. Pode não ser a melhor cena de sempre mas para mim, neste momento, não faria sentido escolher outra.

Reading Time:

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

O Filme da Semana - Dracula Untold.
novembro 21, 2014 8 Comments
O Filme da Semana regressa hoje em toda a sua glória para animar os vossos serões de sexta-feira - todos a baterem palmas - bem sei que já vos estava a custar viver esta vida ingrata sem as minhas sugestões cinematográficas e hoje regresso com uma sugestão acabadinha de sair do forno - estive agora a ver - Dracula Untold.


O que está a dar é contar a história do pessoal, aquela bem inicial em que tudo era normal e vulgarzito e aquele momento de viragem que os torna conhecidos e faz com que o mundo ou ame ou tema. Por mim tudo bem, toda a história tem um início, todos temos um ponto de viragem nas nossas vidas que altera tudo num momento e, enquanto as histórias forem boas, eu estou cá para as ouvir e ver.

Em Dracula Untold, temos um príncipe guerreiro, Vlad, que decidiu abandonar a guerra e voltar para o seu reino para viver em paz. Conseguiu manter esse desejo durante anos até os turcos regressarem à Transilvânia com a mesma exigência de anos anteriores, 1000 rapazes para seus guerreiros, incluindo o filho de Vlad. Uma história sobre um homem que se vê obrigado a sacrificar a sua própria vida para proteger quem ama e que não hesita quando confrontado com a escolha.

Uma história sobre guerra, vampiros e batalhas mas sobretudo sobre sacríficos, escolhas e amor. Recomendo.

Classificação IMDb: 6,3/10
Classificação Encantada: 6,5/10
Reading Time:

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Homens!
novembro 20, 2014 12 Comments
Se a namorada não telefona é porque não quer saber deles, se telefona numa altura que não lhes agrade ou mais do que uma vez então é uma chata de primeira. Decidam-se criaturas!
Reading Time:
Parabéns! Para mim e para vocês!
novembro 20, 2014 18 Comments
O meu Mundo Encantado faz hoje dois aninhos. É muito e praticamente nada. Descobri aqui um mundo que passei a adorar e espero continuar durante muito tempo. Muito obrigado a todos vocês. Sem vocês não seria a mesma coisa.
Untitled
Reading Time:

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

30 Days TV Show Challenge #8
novembro 19, 2014 7 Comments
Série que toda a gente devia ver

The Big Bang Theory é só assim uma das melhores séries de sempre! Imaginem grupo de amigos tão nerds quanto possível - ou talvez até um pouco mais - fantásticos nos seus campos de investigação científica mas desastrosos em situações sociais, uma vizinha gira nas horas que é exactamente o oposto e que, contra todas as possibilidades, se torna uma parte essencial do grupo.



Trapalhada, humor inteligente, tolices e situações caricatas tornam este série - com episódios de cerca de 20 minutos - uma anedota do início ao fim. Nada melhor para animar o dia do que ver um episódio de The Big Bang Theory que já conta com 8 temporadas - a oitava encontra-se actualmente em exibição - e que foi renovada até à décima, facto que me permite estar descansada pelo menos até 2017. É fantástico como conseguiram manter a qualidade durante 8 temporadas. Espero sinceramente que continuem assim e que a série seja renovada até ao infinito.


Apesar de achar que todas as personagens são excelente a minha favorita é o Sheldon, provavelmente uma das pessoas mais inteligentes à face da terra mas uma nulidade autêntica no que diz respeito a iterações sociais, além disso tem uma personalidade bastante... bem... única.


Reading Time:

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Paixões platónicas.
novembro 18, 2014 17 Comments
Acho que tudo o que é gente neste mundo já teve pelo menos uma paixão platónica. Algumas embaraçosas que dói outras nem por isso mas quase todas engraçadas.

Como gosto de vos ver felizes aqui ficam as minhas:

Cristiano Ronaldo, O Cliché - Tão cliché que até dói mas fazer o quê?


Hélder Postiga, O Dispendioso - Esta não tem tanto de cliché mas para compensar tem a componente dispendiosa, devo ter comprado tudo o que era jornal desportivo num raio de 10 quilómetros durante alguns meses.


Ricky Martin, O Inevitável - Impossível resistir aos homens latinos, mesmo que sejam homossexuais.


Ian Somerhalder, O Bad Boy - Não que o Ian seja propriamente um Bad Boy, nesse aspecto refiro-me ao nosso querido Damon mas, vampiro ou não, basta olhar para nós para nos tirar do sério.

Daniel Gillies, O Inalcançável - Seja pelo seu altruísmo em The Origanls ou pela sua faceta de mulherengo em Saving Hope a verdade é que o Daniel está sempre fora do alcance do mulherio no entanto, não podem culpar uma rapariga por tentar não é verdade?

E agora que vos abri o meu coração sem reservas nem receios desafio-vos para, assim que conseguirem deixar de rebolar no chão de tanto rir, confessarem as vossas. Ah pois, que isto não é só gozar com o pessoal.
Reading Time:

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Fim... ou talvez não.
novembro 17, 2014 17 Comments
Hoje foi o meu último dia de estágio. Confesso que deixar um lugar onde sempre me senti bem recebida, parte de uma equipa e onde aprendi tanto, foi mais difícil do que estava à espera. Sinto que fiz um bom trabalho, o que me deixa especialmente satisfeita por ser uma área totalmente diferente da minha e na qual nunca tive formação, mas a cereja no topo do bolo foi quando a gerente me perguntou se estaria interessada num novo contrato, não agora mas mais próximo do final do ano. 
Reading Time:

domingo, 16 de novembro de 2014

Drama feminino.
Pensamento do dia.
Malditos títulos.

sábado, 15 de novembro de 2014

Particularidades #14
novembro 15, 2014 6 Comments
()*()*()*()

Adoro vestidos. Posso ser super prática e descontraída mas sinto-me sempre fantástica com um vestido. 
Reading Time:
Tradições.
novembro 15, 2014 13 Comments
Esta-se a tornar tradição utilizar a manhã de sábado ou a tarde de domingo para responder aos comentários. Gosto.

My new MacBook Air <3
Reading Time:

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

30 Days TV Show Challenge #7
novembro 14, 2014 8 Comments
Episódio que menos gostaste da tua série favorita

Como disse em publicações anterior não tenho apenas uma série favorita pelo que vou referir o episódio que menos gostei de uma das minhas séries predilectas.

O episódio escolhido foi o episódio 1 da temporada 3 da série Arrow. Foi um bom episódio, não há como negar isso, mas para uma fã do Oliver e da Felicity - como eu - foi frustrante pensar que finalmente aqueles dois iam ficar juntos e, no mesmo episódio, ver tudo acabado. Podiam ter feito o peixe render mais um episódio ou dois, agora realizar um dos meus sonhos de seriólica e destroça-lo segundos depois não está com nada.

Reading Time:
Coisas boas da vida.
novembro 14, 2014 4 Comments
Aproveitar a hora de almoço para ver o novo episódio de The Vampire Diaries.

Reading Time:
Sexta-feira!
novembro 14, 2014 6 Comments
O tempo livre tem sido todo para o papá mas já tenho saudades de passar por aqui com mais frequência. Tenho lido os vossos comentários só ainda não publiquei porque não tenho tido tempo para vos responder, assim que conseguir é a primeira coisa que faço. 

Vocês são os melhores! Boa sexta-feira!

Hello FRIDAY!
Reading Time:

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

O que é que se passou?
novembro 12, 2014 13 Comments
Sonhei que tinha ido com o David Carreira ao casamento da Nicole Kidman. É definitivo. Estou a ficar senil.
Reading Time:
O melhor do meu dia #15
novembro 12, 2014 11 Comments
Daddy's Girl

Receber uma mensagem completamente inesperada do meu pai a dizer que chegou para passar uns dias na minha cidade.
Reading Time:

terça-feira, 11 de novembro de 2014

Teorias.
novembro 11, 2014 11 Comments
Ontem ao jantar reparei que a minha farrusca ora soprava ora assobiava para as colheres de sopa. Enchia uma colher, soprava, comia, enchia outra, assobiava, comida, Isto repetiu-se umas quantas vezes mas eu mantive o meu bico calado até que ela decidisse dizer alguma coisa.

Passado uns minutos...

Farrusca: "Bá, descobri uma coisa."
Eu: "O quê, boneca?"
Farrusca: "Que quando assobiamos a sopa arrefece mais depressa do que quando sopramos."

Juro, tive de fazer um esforço enorme para não me rebolar às gargalhadas e cuspir sopa para tudo o que era sítio mas lá me aguentei.

Eu: "Já fizeste a experiência?" - como futura engenheira tenho que incentivar a criança a provar as suas descobertas.
Farrusca: " Já experimentei muitas vezes e o resultado é sempre o mesmo."
Eu: "Muito bem, então é porque estás certa."

E lá continuamos a duas a comer o belo puré de coentros com um sorriso na cara. Ela por ter a sua brilhante teoria aceite pela irmã mais velha e eu porque tenho a cientista mais adorável à face da terra.
Reading Time:

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Coisas boas da vida.
novembro 10, 2014 5 Comments

Ir ao Festival da Empada e perder a cabeça com empadas de leitão, vitela, pato, legumes, galinha ...



...e trazer miminhos doces para a minha farrusca.

Reading Time:
30 Days TV Show Challenge #6
novembro 10, 2014 10 Comments
Episódio favorito da tua série preferida

Não consigo escolher uma série preferida. Adoro todas as séries que acompanho, caso contrário não perderia tempo com elas portanto vou referir um dos melhores episódios de uma das minhas séries favoritos.

O escolhido foi o episódio 19 da temporada 3 em que o Damon explica porque nem sempre é bom - talvez seja melhor substituir bom por bondoso porque bom é ele todos os dias - e a Elena admite, finalmente, que se sente atraída por ele. Quem a pode culpar? Eu não certamente. 



Além disso temos a Rosa - versão fantasma - a partilhar a sua sabedoria adquirida ao longo de séculos de existência e a dar uma forçazinha para o par Delena.



Vejam as cenas e digam de vossa justiça, é ou não um excelente episódio?
Reading Time:

domingo, 9 de novembro de 2014

Inevitável.
novembro 09, 2014 16 Comments
Desde que comecei a estagiar no banco o cuidado com a imagem passou a ser redobrado e domingo é oficialmente o dia de pintar as unhas. 

How to Fix Every Nail Polish Problem in the Book | Beauty High
Reading Time:
O Halloween por cá.
novembro 09, 2014 13 Comments
Ter uma irmã muito mais nova implica dar importância a coisas que anteriormente não nos diziam nada. Um bom exemplo disso é o Dia das Bruxas, não costumamos celebrar esta festividade cá em casa, até porque nem é uma festividade portuguesa, mas os miúdos não deixam passar uma oportunidade de se vestir a rigor e partir para a brincadeira e a minha irmã não é excepção portanto, este ano, resolvemos fazer um pequeno jantar temático. Tudo bem nojentinho e desagradável como a data implica.


A começar em cima, da esquerda para a direita. A maninha a tratar do queijo para os MonstroBurguers. MonstroBurguers no forno. Ovos de ogre com aranhas. Bananas fantasma. Creme de erva e ranhoca com olhos de troll.

Reading Time:

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Coisas boas da vida.
novembro 07, 2014 18 Comments
Nada melhor do que chegar ao final do dia de sexta-feira e ter o primeiro episódio da nova temporada de White Collar à minha espera! As saudades que eu tinha no meu Neal...

Reading Time:
Prioridades.
novembro 07, 2014 10 Comments
Mil e uma coisas para fazer e tudo o que me apetece é enroscar-me na cama com uma chávena de chá, o meu computador portátil e colocar em dia os episódios das minhas séries favoritas.

...
Reading Time:

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Quase a terminar...
novembro 06, 2014 7 Comments
Jantar com uma grande amiga é umas das melhores formas de ganhar energia para terminar a semana. Quem tem bons amigos tem tudo!
Reading Time:
Particularidades #13
novembro 06, 2014 16 Comments

Esqueçam Demi Lovato, Selena Gomez, Jonas Brother, Miley Cyrus e outros que tais. De todas as estrelas musicais que a Disney já criou os melhores são, sem sombra de dúvida, o Timon, o Pumba e o Simba. Sei as músicas da Disney praticamente todas mas não resisto a cantar - de forma bastante expressiva e audível - quando essa música é um dos clássicos de "O Rei Leão".
Reading Time:

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

30 Days TV Show Challenge #5
novembro 05, 2014 11 Comments
Uma série da qual não gostes.

Escrevo esta publicação consciente de que se estivessem comigo muitos de vocês esbofeteavam-me sem dó nem piedade mas de qualquer das formas vou correr o risco.

A série da qual não gosto é uma série venerada por meio mundo, Game of Thrones. A minha mãe, o meu irmão e o Charming adoram e acompanham desde o início portanto vi uns quantos episódios soltos aqui e ali mas nada que me despertasse fascínio pela série. No entanto, com um legião de fãs tão significativa, resolvi dar outra oportunidade e começar a ver a série desde o início e tenho a dizer que nem assim.

Não posso deixar de admitir que nem sequer cheguei ao fim do primeiro episódio, portanto nunca dei a esta série uma verdadeira oportunidade mas, de tudo o que já vi, nada me prendeu e não consigo ver uma série só porque sim. Pode ser que algum dia recomece a ver e me torne fã mas hoje só posso dizer que não gosto de Game of Thrones.

GAME-OF-THRONES
Reading Time:

terça-feira, 4 de novembro de 2014

Uma questão de medidas.
novembro 04, 2014 19 Comments
A ilustradora Loryn Brantz editou seis imagens com o propósito de evidenciar as diferenças entre as proporções físicas das princesas Disney e as de uma mulher real. Todos conhecemos as figuras estilizadas das princesas Disney - e giras que são - mas confesso que nunca tinha dado grande atenção a medidas e proporções mas, tal como Loryn refere, é assustador que em alguns casos os pescoços das princesas sejam quase tão largos quanto as suas cinturas.

Não sou de intrigas mas acho que é altura de colocar um bocadinho de carne nestes ossinhos. As princesas são adoráveis mas preocupa-me as ideias que podem instalar na cabeça de meninas mais jovens.

A princesa Ariel, do filme A Pequena Sereia, foi uma das escolhidas por Brantz para mostrar o desfasamento das proporções.
Ariel

A princesa Ariel, do filme A Pequena Sereia, foi uma das escolhidas por Brantz para mostrar o desfasamento das proporções.
Aurora

A princesa Ariel, do filme A Pequena Sereia, foi uma das escolhidas por Brantz para mostrar o desfasamento das proporções.
Bela

A princesa Ariel, do filme A Pequena Sereia, foi uma das escolhidas por Brantz para mostrar o desfasamento das proporções.
Elsa

A princesa Ariel, do filme A Pequena Sereia, foi uma das escolhidas por Brantz para mostrar o desfasamento das proporções.
Jasmine

A princesa Ariel, do filme A Pequena Sereia, foi uma das escolhidas por Brantz para mostrar o desfasamento das proporções.
Pocahontas
Reading Time:

@way2themes