sexta-feira, 19 de setembro de 2014

A mítica sandes de salmão.

Em tempos idos eram as bolas de berlim que ficavam gravadas na secção culinária das minhas memórias de férias no entanto, este ano as belas e boas foram substituídas por a melhor sandes de salmão que alguma vez comi. O pai vem estaladiço e morninho, o conteúdo em farto - algo raro nos dias que correm - e existe ali um equilíbrio perfeito entre salmão, queijo mozarella e tomate. Não é grande nem pequena - pelo menos para mim, já o Charming pediu duas - é mesmo o suficiente. Para além de tudo isso temos o tomate no topo do bolo, sim o tomate cherry que vem na ponta do palito que impede que a sandes desmorone por ali a baixo. É só um detalhe fofinho mas se há coisa que eu gosto são de detalhes fofinhos. 

Até daqui a uns meses minha linda.


7 comentários:

  1. Só de olhar dá quase vontade comer.

    ResponderEliminar
  2. O salmão é fumado, cru ou cozinhado? Onde comes dessas belezas? Agora até eu fiquei de água na boca :D

    ResponderEliminar
  3. Nunca comi uma sandes dessas mas abriste-me o apetite

    ResponderEliminar
  4. Acreditas que nunca comi salmao fumado? E por acaso nao sou assim super fã de salmao, mas que a sandes tem bom aspeto, ai isso tem :p

    *Beijinhos*
    Caty<3
    http://myfairytale4.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Olá,

    Tem bom aspeto sim senhor, tenho que confessar, vou comer :D

    bjs

    ResponderEliminar